sexta-feira, novembro 26, 2004

Devaneios!!!

E o vento vem,
E o vento vai.
E o tempo vai
Mas não vem.
E o amor vem,
E o amor fica…
E fica e, fica,
Não fica é sempre
Mas sim, para sempre
Nos corações inchados,
Inchados de explodir.
A vida constrói-se,
Constrói-se,
Até um ponto,
Ponto esse ritmado
Por um sol e uma lua
Numa dança eterna,
Pois… só na imortalidade,
É que elas tem poder de ficar.
Se o vento vem e vai
A vida também,
Num transporte
Transcendental
De bagagem comensurável.

A Polegar

4 comentários:

Mãozinhas disse...

tudo vai... e fica a saudade...
tudo vai... e fica o ser humano insatisfeito
tudo vai... e fica a lembrança do nosso nome no dia em que fomos...

Fura_Bolos

Walter disse...

O vento nem sempre vem...sao tantas as vezes em que queriamos que ele chegasse e ao partir levasse o que nos faz sofrer! O tempo não vai...permite-me discordar!Pura simplesmente o tempo quando o pensas já foi! E por isso nunca vem!
A vida constrói-se mas é sempre uma construção imperfeita e por isso acaba sempre por ruir! Mas persistimos em tentar terminar essa construção, acho que faz parte da natureza humana, seja lá o que isso for! E tal como o tempo, quando deste por ela também já passou!

Walter

PS- Não podes considerar isto um devaneio... tá demais! E desta vez parece que sou eu que preciso de um dicionário! :):)

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site.I used information from that site its great.
» »

Anónimo disse...

You have an outstanding good and well structured site. I enjoyed browsing through it » » »